Esta escritora não trabalha com redes sociais

E também não produz conteúdo. O mercado editorial de hoje exige isso de um escritor. É aquele círculo vicioso de 'para ser publicado, precisa compensar financeiramente', que faz a escrita, o trabalho direto com a palavra na obra a ser escrita, ser a parte menos ensinada-recompensada-procurada hoje. Não sou influencer. Não sou tiktoker, booktuber ou … Continuar lendo Esta escritora não trabalha com redes sociais

O que podemos aprender com o discurso da Ursula K. Le Guin

Em 2014, Ursula K. Le Guin foi homenageada pela sua contribuição à literatura americana no National Book Award e o seu discurso ao aceitar o prêmio tem quer ser lido por qualquer um que queria ser escritor — ou que já seja um. Vivemos pressionados com a noção de que precisamos ter valor, e na sociedade capitalista, … Continuar lendo O que podemos aprender com o discurso da Ursula K. Le Guin

A corte dos reis carmesins

Se fizéssemos uma enquete sobre qual o planeta do nosso sistema solar preferido dos escritores para ambientar suas aventuras, posso apostar que Marte ganharia. Parece que sonhamos com ele desde o começo da humanidade, mesmo sem nunca termos postos os pés lá - pelo menos, não nesta nossa realidade. https://twitter.com/NASAPersevere/status/1362507436611956736 Hoje, mais uma tentativa de … Continuar lendo A corte dos reis carmesins

A cidade invisível

Resenha de City (1952), de Clifford D. Simak (1904-1988) “A controvérsia que cerca a lenda pode ser resumida a uma questão: o Homem existiu? Se ao ler esses contos, o leitor sentir-se confuso, estará em excelente companhia. Os especialistas e os estudiosos que passaram suas vidas estudando a lenda podem ter mais dados, porém estão … Continuar lendo A cidade invisível